O Sindicato APEOC participou na segunda-feira (30), de Plenária unificada entre professores, estudantes e trabalhadores, na sede da ADUFC. Ficou decidido que o ato em defesa da Educação e da soberania nacional no dia 3 de outubro terá concentração às 9h, na Reitoria da UFC e seguirá em caminhada até a Praça do Ferreira.

No dia 2 de outubro, as escolas devem fazer debates e mobilizar, junto com os estudantes, para o ato no dia 3. O Sindicato APEOC promoverá visitas nas escolas mobilizando para este ato e para o “Plenarão da Educação” no dia 7 de outubro, às 17h, na sede da APEOC, no intuito de preparar a paralisação do dia 16 de outubro.

Por entender que os dias 2 e 3 serão um grande esquenta para o dia 16, o Sindicato APEOC vai agregar a pauta estadual a tal movimento, com os retroativos do reajuste e promoções, além da homologação do concurso e regulamentação da ampliação definitiva de carga horária.

Somadas as demandas locais, a pauta nacional também estará em foco nesta grande Jornada pela Educação Pública, com a aprovação do Novo FUNDEB, os Royalties do Petróleo, os Precatórios do FUNDEF para a valorização da Educação e de seus profissionais e contra a entrega das universidades públicas ao mercado através do FUTURE-SE.

A orientação é que sejam feitas mobilizações no interior e na capital, com estudantes, professores e trabalhadores, para fortalecer a luta em defesa da Educação e da soberania nacional.

Na plenária da ADUFC, a APEOC foi representada pelo presidente, Anizio Melo, o secretário-geral, Helano Maia, o assessor político, Kim Lopes, o secretário de comunicação, Alessandro Carvalho e pelos diretores Mikaelton Carantino e Paulo César.

Construindo a paralisação geral da Educação, interior e capital, no dia 16 de outubro!