O Sindicato APEOC realizou, nesta terça-feira (29), Assembleia com os(as) professores(as) da rede municipal de Cariré para tratar da proposta de reajuste salarial apresentada pelo Prefeito, Antônio Martins, que prevê aplicação do reajuste de 33,24% para quem recebe o Piso e 16% para os demais professores.

A proposta anterior da Prefeitura era o reajuste de 10% para todos(as) os(as) professores. Apesar de ter avançado em relação à proposta anterior, a Prefeitura ainda não atendeu à reivindicação da APEOC, que é o reajuste de 33,24% para todos(as) os(as) professores(as).

A assembleia discutiu a nova proposta e entendeu que ela representa um recuo na valorização dos profissionais do magistério no município. Tendo isso em vista, foi encaminhado para que a direção do Sindicato cobre a transparência dos dados alegados pela Prefeitura, para que se verifique se os impactos financeiros realmente comprometem os percentuais anunciados pelo gestor de 95% do FUNDEB com a folha da educação.

Após análise desses dados, a APEOC vai propor, se for o caso, alternativas de ganhos remuneratórios que garantam um reajuste melhor do que o apresentado pela Prefeitura.

A APEOC encaminhará ofício à Prefeitura solicitando folha de pagamento e previsão de receitas para o ano em curso, bem como cobrará audiência com a gestão municipal.

Estiveram à frente dos trabalhos na Assembleia: a Professora Maria das Graças, conhecida popularmente como Amor, e os Assessores Sindicais Kim Lopes e Odair Santos.