O Sindicato APEOC, representado pelo vice-presidente regional do Baixo Jaguaribe, Tomé e Silva; e pelo assessor jurídico, Augusto Neto, participou de uma Mesa de Negociação com o prefeito de Morada Nova, Wanderley Nogueira, para tratar sobre a greve e as reivindicações dos professores do município. Na ocasião, também estiveram presentes o deputado estadual Moisés Braz; representantes da Fetamce e do Sindsep, além de uma comissão de professores. O encontro ocorreu nesta quinta-feira (23), na sede da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Ceará, em Fortaleza.

Desde o final de fevereiro, os professores da rede municipal de Morada Nova estão em um movimento grevista. A categoria reivindica o reajuste salarial, de acordo com o Piso Nacional, de 6,81%, retroativo a janeiro, e a aplicação das mudanças de referências, conforme o Plano de Cargos e Carreiras do município.

Na reunião com o Sindicato APEOC e outras entidades, o prefeito Wanderley Nogueira não foi de acordo com as reivindicações, assim cancelando qualquer tipo de negociação.

Compromisso em defesa dos professores

O Sindicato Apeoc fará uma avaliação da situação em Morada Nova, na próxima terça-feira (27), para reafirmar compromisso com a defesa dos interesses dos trabalhadores em Educação, e também, fazer todos os esforços para atuar e mediar uma resolução para encontrar a saída consensuada para o impasse.