Dirigentes do Sindicato APEOC protocolaram um Mandado de Segurança para garantir a licença, do presidente da Comissão Municipal, Girlan Melo, no dia 26 de março.

O juiz Adriano Ribeiro Furtado Barbosa, da Comarca de Pedra Branca, por meio de uma decisão judicial, garantiu o cumprimento do mandato sindical do presidente da Comissão Municipal da APEOC, Girlan Melo. A decisão é resultante do Mandado de Segurança protocolado pela assessoria jurídica da entidade, no dia 26 de fevereiro, para garantir a licença do dirigente, que foi cassada pelo prefeito Antonio Góis Monteiro.

Embora prevista em Lei Orgânica, Girlan Melo foi impedido de cumprir mandato sindical. Agora, após decisão judicial, o dirigente poderá voltar a executar suas funções classistas, sem prejuízos de remuneração.

O Sindicato APEOC, representante dos profissionais do Magistério em Pedra Branca, continuará em defesa da categoria. A entidade fortalece mais ainda sua luta por cobranças de direitos dos professores, e pela valorização dos profissionais da Educação.