A APEOC entrou nesta sexta-feira (21) com pedido de Amicus Curiae no recurso ajuizado pelo Estado do Ceará perante a Presidente do Tribunal de Justiça do Ceará, para derrubar a decisão liminar que determinou o retorno às aulas presenciais.

O Sindicato APEOC subsidiará o processo com documentos e manifestações para tentar convencer a presidente do TJCE a derrubar a decisão de primeira instância o mais rápido possível.