O professor Mauro Oliveira, que implantou o projeto “Pirambu Digital”, onde jovens aprendem a elaborar programas de computador, foi aprovado em concurso da UNESCO como trabalho para consultoria. Ele passará dois anos em Paris. Mauro Oliveira, bom lembrar, já foi diretor do antigo Cefet e fundou o “Pirambu Digital” no bairro do Pirambu, na periferia da Capital, hoje reconhecido nacionalmente como uma experiência ousada e que promove, na prática, inclusão social.