O Presidente do Sindicato Apeoc/Camocim, Professor Antonio Júnior, obteve o direito de falar na tribuna da Câmara de Vereadores, antes da votação do PCR, ontem (24/02), quando expressou a posição da classe com relação ao Projeto de lei 004/10, enviado pelo Prefeito Chico Vaulino. O Presidente da Apeoc deixa claro em sua fala que, com exceção dos artigos 58 e 59, a classe apoiava a aprovação do PCR, ressaltando os avanços obtidos desde a última votação, em dezembro de 2009, quando houve a desaprovação. Confira o vídeo do pronunciamento do Professor Antonio Júnior.

Comentários:

A Comissão Municipal do Sindicato-APEOC agradece a tantos professores que estiveram presentes ontem (24)na Câmara Municipal reivindicando a supressão dos Art. 58 e 59 do PL 004/10 – que tornará ainda mais hedionda a “política” do abono defendida pela Secretaria Municipal de Educação. Ao mesmo tempo, lamentamos o fato de que profissionais da Educação com cargo comissionado (uns, inclusive, dizendo-se professores – o que é estarrecedor)coloquem-se a favor do desprestígio da sagrada missão de educar, quando, mesmo concursados ou contratados, somos tratados como empregados “avulsos”. Quanto à Câmara Municipal, o nosso agradecimento por oportunizar a manifestação da categoria. Ao vereador Kleber Veras, o nosso agradecimento especial por ter apresentado emenda que atendia aos anseios dos docentes. A todos que votoram conosco, nossa gratidão. Aos que se colocaram contra nossa reivindicação, o tempo manifestará as consequências do ato. E… a luta pela defesa da educação com qualidade social e de seus profissionais CONTINUA. Prof. Antonio Junior – Presidente

Fonte: camocimonline.blogspot.com