O presidente Anizio Melo e representantes de movimentos estudantis, UBES, ACES e Grêmio Estudantil debateram na segunda-feira (4), na Escola EEMTI Vicente Arruda, em Caucaia, os desafios da educação pública no país e fontes de financiamento.

Em pauta a aprovação do Novo FUNDEB, financiamento permanente da Educação, Lei dos Royalties e o mega leilão do Pré-sal.

O presidente do Sindicato APEOC denunciou durante o encontro o fato da Educação ficar de fora do mega leilão do Pré-sal, que será realizado em novembro, um grande acordão entre Governo Federal e Congresso Nacional que prejudicou a Educação. Um montante de 106 bilhões de reais que serão destinados a estados e municípios sem nenhuma vinculação para a Educação.

Presentes no encontro Jonathan Sales (UBES), Carlos Daniel (ACES), a professora Sandra Reis e os representantes DO Grêmio Estudantil da EEMTI Vicente Arruda, Vinicius Vieira e Monalisa Santos.