Com nossa força, derrotamos o sindicato cloroquina e o movimento porta do cemitério, e no mesmo dia pressionamos e garantimos a prioridade na vacinação para professores e professoras. O Tribunal de Justiça do Ceará acabou de derrubar a liminar que determinava o retorno às aulas presenciais.

Realizamos na tarde da última quinta-feira, um ato político em frente ao Fórum Clóvis Bevilaqua, onde entramos com uma apelação judicial, com objetivo de barrar a liminar que determinava o retorno obrigatório das aulas presenciais.

Chamamos a imprensa, entramos com um pedido de Amicus Curiae no processo e conseguimos derrotar mais essa investida do negacionismo. Quem representa a escola pública é o time da Educação, trabalhadores, trabalhadoras e estudantes.

✊🏽 É na luta que a gente se encontra e vence!