O Sindicato APEOC, representado pelo presidente da Comissão Municipal de Icó, Alexandre Moura, a vice-presidente, Karla Costa, o assessor jurídico, Augusto Neto, e o assessor sindical, Roque Melo, participou na quinta-feira (3), de uma audiência no Ministério Público em Icó, com o promotor de Justiça, Dr. Eberth, e com a secretária de Educação, Aurineide Amaro, para tratar de demandas das entidades sindicais APEOC, SINDPREMI, representado pelo professor Naldo e o SINDSEPMI, representado pelo Marcelo, que estão unidas em defesa da valorização dos profissionais do Magistério.

Em pauta, reajuste salarial, realinhamento da tabela de 2017 e 2018 dos servidores em relação ao Piso do Magistério, readequação de Plano de Cargos e Carreiras e ações judiciais.

Durante a audiência, houve a determinação de uma análise financeira para discutir soluções para as demandas da categoria.

Como encaminhamento, uma nova audiência com o promotor foi agendada para 14 de novembro, com representantes das entidades e da gestão municipal. Também ficou acertado que até quarta-feira (9), a Prefeitura deverá disponibilizar, por meio de sua assessoria técnica, a análise do impacto financeiro referente ao realinhamento das tabelas, retroativos de 2017 e 2018 e o impacto da readequação do Plano de Cargos e Carreiras.

A prefeita de Icó, Laís Nunes, as assessorias jurídicas e a secretaria de Educação serão todas convidadas a participar da reunião de novembro, onde serão apresentados contrapontos e argumentações diante da análise divulgada pela gestão e analisada pelas entidades sindicais.