Após as negociações, que resultaram na garantia de R$ 120 milhões para atendimento à saúde e, no mínimo, R$ 10 milhões a mais para pagamento da folha dos servidores do Instituto de Saúde dos Servidores do Estado do Ceará, o projeto de Lei de revitalização do Instituto de Saúde dos Servidores Estaduais do Ceará – ISSEC, foi aprovado. O secretário-geral do Sindicato APEOC, Helano Maia, e dirigentes de outras entidades sindicais, acompanharam nesta quinta-feira (22) a votação na Assembleia Legislativa do Ceará.

A nova lei do ISSEC é resultado da luta dos servidores estaduais que unificaram forças na tentativa de salvar o instituto e garantir melhores condições de atendimento médico, odontológico, ambulatorial e hospitalar aos beneficiários.