DSC 0977.300xA direção do Sindicato APEOC chegou cedo à Assembleia Legislativa nesta terça-feira (13). Depois de protocolar junto à presidência da Casa uma carta de repúdio à Reforma da Previdência Estadual proposta pelo governador Camilo Santana, na tarde desta segunda (12), hoje foi a vez de mobilizar os deputados para tentar evitar que a Mensagem seja aprovada.

 

DSC 0973.300x

O presidente Anizio Melo estava acompanhado do vice-presidente, Reginaldo Pinheiro; do secretário geral, Helano Maia; do secretário de Imprensa e Divulgação, Leorne Nogueira; do secretário de Assuntos para Aposentados, Juscelino Linhares; do 

secretário de Assuntos Educacionais, Albano de Melo; e do presidente do zonal de Fortaleza, Mickaelton Carantino. A comitiva abordou os deputados e entregou uma Carta de repúdio às medidas propostas pelo Governo que afetam diretamente os servidores estaduais, como o aumento de 11% para 14% da contribuição previdenciária.

DSC 0984.300xDSC 0003.300x

A carta foi lida integralmente por dois parlamentares durante pronunciamento em Plenário. Os deputados Carlos Felipe (PC do B) e Ely Aguiar (PSDC) destacaram o texto e fizeram comentários a favor da luta dos servidores. Outros parlamentares também citaram o nome do Sindicato APEOC e a necessidade de barrar esse pacote de medidas que, ao apagar das luzes de 2016, surpreende a todos com esse aumento inaceitável da contribuição da Previdência Estadual.