O presidente do Sindicato APEOC, Anizio Melo, participou na última quarta-feira (17), de uma reunião na Central Única dos Trabalhadores do Ceará, para traçar as estratégias para o dia 1º de Maio.

Será realizada a Marcha dos Trabalhadores, com concentração às 15h, na Avenida Beira Mar, próximo ao Espigão da Rui Barbosa. A manifestação é uma ação conjunta CUT Ceará, CSB, CSP-Conlutas, Intersindical, CTB, em conjunto com a Unidade Classista e as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo.

Em pauta, a defesa da política do reajuste do salário mínimo, a luta por mais emprego e contra a DEFORMA da Previdência, que atingirá em cheio os professores, em especial as professoras, que terão de trabalhar 10 anos a mais e sem a garantia da integralidade na aposentadoria.

Anizio Melo defendeu a unidade das Centrais Sindicais, autonomia do movimento sindical. Falou ainda da Campanha Salarial 2019, em negociação com o Governo Estadual, chamando atenção também para a importância da luta pelo financiamento permanente da Educação, na garantia de uma Educação Pública de qualidade, com professores e funcionários valorizados.