Reajuste diferenciado 2010; Progressão horizontal 2009/20109; Nivelamento salarial entre professores temporários e efetivos; Computador do educador – são as reivindicações da Campanha Salarial de 2011 que, com o Sindicato APEOC à frente, os professores da rede oficial estadual já formalizaram como metas para a luta já aberta pela categoria. Eles conversaram no Palácio da Abolição com o secretário Ivo Gomes.

(Fonte: Jornal Diário do Nordeste 01-05-2011. Coluna Edilmar Norões)