Os integrantes dos Núcleos Gestores das Escolas do Estado, na Educação Básica, ainda não foram nomeados formalmente para os cargos comissionados de direção (diretores administrativos e pedagógicos, secretários escolares e outros de atribuições direcionais) pelo governo do Estado. As escolas da rede estadual de ensino estão funcionam sem direção formal, isto é, sem publicação de atos de nomeação, apesar de já está em pleno funcionamento o segundo semestre escolar de 2009.

Por outro lado, segundo as inúmeras reclamações direcionadas ao Sindicato APEOC, os servidores/diretores em exercício nas escolas estaduais não estão, há seis, percebendo as gratificações inerentes aos cargos que ocupam, assim como existem outros diretores, servidores da prefeitura de Fortaleza, trabalhando nas escolas estaduais sem atos de disposição formalizados. Para disposição há necessidade formal do ato de nomeação.

Em face da ausência de agilização processual por parte de alguns dos setores burocráticos da administração, o Sindicato APEOC renova solicitação ao governo, no sentido de que seja solucionada a situação funcional dos que estão trabalhando em cargos comissionados sem pagamento e sem perspectiva do que vai acontecer funcionalmente, pois a hierarquia na estrutura administrativa somente existe a partir da publicação dos atos de nomeação, seguidos de posse, expedidos por quem de direito, no caso, pelo governo do Estado.