O Movimento em Defesa do Instituto de Saúde do Servidor do Estado do Ceará, formado por entidades representativas de classe de servidores estaduais, teve um encontro com o superintendente do Instituto, Francisco José Carvalho, na manhã desta sexta-feira (24), na própria sede do órgão. O objetivo foi apresentar ao gestor os princípios defendidos pelas entidades para a revitalização do ISSEC. São eles:

 

1. Fortalecimento do ISSEC público com atendimento amplo e de qualidade;
2. Gestão tripartite (Issec, Governo e Servidores) com transparência;
3. Triplicar os recursos destinados aos atendimentos em saúde;
4. Atender no interior do estado e na capital;
5. Sem limites de consultas e exames;
6. Governo aplicar no mínimo 0,68% da receita corrente líquida ou no mínimo 120 milhões com um índice de revisão anual;
7. Participação dos servidores definida pelos servidores considerando a renda e idade.

Helano Maia representou o Sindicato APEOC no encontro. Além dele, dirigentes do Sindsaúde, MOVA-SE, Asseec, Sindetran, Sindagre e Asenmesc também participaram da reunião.

Encaminhamentos

A pedido dos dirigentes das entidades de classe, a direção do ISSEC se comprometeu a enviar informações relativas aos usuários para novos estudos por parte do grupo. Também foi solicitada uma reunião conjunta entre os representantes das entidades, superintendência do ISSEC, Secretaria do Planejamento e Casa Civil do Governo do Estado.