Silêncio absoluto é a única resposta do governo Cid Gomes aos professores que reivindicam a implantação da progressão horizontal.

A progressão horizontal deveria ter sido implantada durante o mês de setembro passado, conforme previsto em lei do Estado. O Sindicato – APEOC tem exigido o cumprimento da lei, e, usando os mais diversificados meios de comunicados protesta contra esse silêncio do governo, que assumiu compromisso com os trabalhadores, durante a última greve de junho, pagar em setembro a progressão horizontal para 100% dos professores.

Caso o governo permaneça fechado em silêncio, manifestações públicas e protestos devem ocorrer até o final do ano.