E os professores da Capital e do interior do Estado convocados pelo Sindicato APEOC e entidades cutistas, participarão de assembléia geral no Ginásio Aécio de Borba, a partir das 9 horas desta terça-feira. A categoria articulará com o objetivo de pressionar o governador Cid Gomes (PSB) a retirar sua assinatura da Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) que questiona, no Supremo Tribunal Federal (STF), a Lei do Piso Nacional aprovada em julho deste ano.

Os docentes estaduais querem ainda a retirada da Assembléia Legislativa da Mensagem Nº 7039 sobre o piso. A categoria está com as atividades paralisadas desde a última sexta-feira.

Fonte: Blog do jornalista Eliomar de Lima (Jornal O Povo). 01-12-2008